Fernando Santos dedicou a vitória de Portugal à mãe e cunhado que atravessam momentos difíceis. Portugal ganhou a taça da Liga das Nações depois de vencer a Holanda por 1-0.

No fm do encontro, que aconteceu no dia de ontem, dia 9 de junho, no Estádio do Dragão, Fernando Santos, Selecionador Nacional, fez questão de dedicar a vitória a todos os portugueses mas em especial à mãe e ao cunhado, dado que os últimos meses foram “muito dolorosos em termos de saúde”.

Fernando Santos não esqueceu o esforço da equipa portuguesas mostrando-se muito orgulhoso.

“Vamos atrás dos objetivos, procurámos com toda a nossa capacidade. Os jogadores têm sido inexcedíveis, porque é sempre muito difícil com apenas três, quatro ou cinco dias de trabalho e virem de equipas diferentes. (…)

Esta é muito a vitória deles, muito fruto desse trabalho e das ótimas condições de trabalho que a Federação Portuguesa de Futebol nos dá. Aqueles que fazem parte e criaram esta família, que vem de há vários anos. Há cinco anos comigo, esta família é quase indestrutível”, disse o selecionador nacional.

“Portugal fez um excelente jogo. Estes jogadores têm feito um trabalho fantástico, inexcedível. Não tenho tempo para criar rotinas, automatismos, é muito difícil.

Os jogadores acreditam no treinador, tentam fazer bem. Às vezes não sai bem a mim ou a eles, às vezes as coisas não são tão perfeitas como queríamos, mas não é por falta de empenho meu ou dos jogadores”, referiu.

Mesmo nos momentos maus, este grupo é sempre fortíssimo. (…) Vamos continuar a trabalhar da mesma forma. (…) Estamos contentes e felizes. Já dei os parabéns aos meus jogadores.

Quero partilhar o triunfo com a minha família, na bancada, que corre o mundo atrás de mim. Principalmente à minha mãe e cunhado, com os últimos meses muito dolorosos em termos de saúde. Também ao meu primo”, afirmou Fernando Santos com voz embargada.

A namorada de Cristiano Ronaldo está no camarote do Estádio do Dragão, junto à família Aveiro, a aplaudir a equipa de Portugal.

Georgina optou por um jumpsuit branco de Elisabetta Franchi, uma das estilistas de eleição de Cristina Ferreira.

A peça custa cerca de 500 euros e a argentina conjugou-a com uma mala da Prada de cerca de dois mil.

Partilha