A ex deputada Inês de Medeiros não tem dúvidas: “Devia haver subsídio de desemprego para ex-deputados”. Ela defende criação de subsídio de desemprego para deputados depois de em 2009 ter entrado no mundo da política pelas mãos de José Sócrates.

Conhecida como atriz, ela admite ter gostado de ser deputada: “Os deputados têm que dar o exemplo, mas há uma desvalorização permanente do que é o trabalho parlamentar e isso é muito perigoso”, referiu a agora autarca.

Em entrevista ao Público e à Renascença diz ainda que: “Há que ser claro: quer-se ou não um regime de exclusividade; que garantias se dá aos deputados? A desvalorização da passagem por deputado faz com que haja deputados que deixam de ser deputados e não têm direito a nada, nem sequer a um fundo de desemprego”.

Para a autarca “Quem interrompa a sua carreira para se dedicar à causa pública depois sai e não tem direito a nada. Acho preocupante. Isso é que pode fomentar a corrupção e o facto de os deputados terem vários empregos.”