Um sem-abrigo encontrou uma carteira de um milionário, devolveu e o dono recompensou-o. Conhecido como Woralop, teve a vida totalmente transformada, depois de um ato de retidão.

O homem estava a dormir numa estação de metro quando viu que um jovem que passava pelo local deixou a carteira cair, sem perceber. Ao invés de se aproveitar daquela situação para ganho pessoal, Woralop teve apenas uma reação: pegar a carteira e entregá-la para a polícia, para que eles pudessem localizar o dono.

No entanto, ele não imaginava que essa simples atitude fosse transformar a sua realidade. A carteira que encontrou pertencia a Nitty Pongkriangyos, um empresário milionário de 30 anos. Na carteira, havia um cartão de crédito e mais de 20 mil baht tailandeses (quase 600 dólares). Uma verdadeira fortuna para Woralop, que não tinha mais do que um dólar no bolso.

Nitty nem mesmo havia notado o desaparecimento da carteira e ficou muito surpreso quando soube que um homem tão simples, que poderia ter se beneficiado muito daquele dinheiro, optou por devolvê-lo.

“Fiquei realmente surpreso quando me disseram que tinham encontrado a minha carteira, porque eu não sabia que tinha perdido. A minha primeira reação foi: “Uau, se eu estivesse no teu lugar, sem dinheiro, eu teria ficado”. Mas ele era um mendigo e não tinha dinheiro, e ainda assim ele devolveu minha carteira. Isso é um sinal de que ele é uma pessoa boa e honesta. É o tipo de pessoa que precisamos na nossa equipa”, declarou Nitty.

Um sem-abrigo encontrou uma carteira de um milionário, devolveu e o dono recompensou-o. Conhecido como Woralop

O empresário, então, além de dar uma recompensa ao Woralop, convidou-o a trabalhar na sua empresa, oferecendo-lhe uma casa e um bom salário. O ex sem-abrigo aceitou a oferta e agora vive uma vida completamente diferente!

“Ter uma cama limpa para dormir deixa-me muito feliz agora”. – Woralop

Um grande exemplo de que nunca podemos julgar as pessoas pelas condições em que vivem, porque muitas vezes as melhores atitudes vêm daqueles que menos esperamos.

Woralop mostrou-se um ser humano íntegro e honesto, e Nitty, uma pessoa íntegra e grata. Que nos inspiremos nos seus exemplos!