Foi identificado um alemão suspeito formal do rapto e morte de Maddie. A noticia é avançada pela TVI que diz tratar-se de um predador sexual atualmente preso no seu país por violação de uma mulher, mas encontrava-se na praia da Luz quando Maddie desapareceu

A Polícia Judiciária (PJ), Metropolitan Police de Londres e polícia alemã, recolheram provas que colocam este homem como presumível autor dos crimes de rapto e homicídio de Maddie.

A Metropolitan Police, identificou uma carrinha caravana branca de marca Volkswagen que o suspeito homicida terá utilizado para viver e também um automóvel Jaguar ao qual teria acesso. 

A polícia identificou também dois números de telemóvel, um usado pelo suspeito e que terá recebido uma chamada entre as 19:32 e 20:02 de 3 de maio na zona da Praia da Luz, e outro que iniciou o telefonema e que poderá ser uma “testemunha altamente significativa”. 

De acordo com a estação de Queluz, o casal McCann já foi informado pela polícia inglesa das suspeitas formais que recaem sobre este individuo alemão.