O polícia que matou George Floyd foi libertado após fiança de mais de 840 mil euros. Derek Chauvin, o ex-polícia que asfixiou George Floyd até à morte foi libertado após o pagamento de uma fiança de um milhão de dólares (equivalente a 849 mil euros).

O agora ex-agente da polícia de Mineápolis, de 44 anos, ficou esta quarta-feira em liberdade condicional.

Foi filmado a ajoelhar-se sobre o pescoço de um homem, durante oito minutos, a 25 de maio deste ano, enquanto decorria a detenção.