Um comerciante foi agredido após pedir a cliente para utilizar máscara como forma de proteção contra a Covid-19

Tudo aconteceu num estabelecimento de que é proprietário, no Campo Pequeno, em Lisboa.

As agressões ocorreram porque o cliente quis entrar no minimercado, sem usar máscara e o proprietário avisou que não o podia fazer, devido às normas emitidas pelas autoridades de saúde.

O cliente insultou o proprietário e forçou a entrada. Quando o comerciante se colocou à frente violentamente agredido.

Os clientes que lá se encontravam tentaram agir em defesa da vítima, mas o agressor fugiu e ainda conseguiu ainda roubar pastilhas. O proprietário do estabelecimento foi hospitalizado.