Não é a tua aparência que te torna atraente, mas quem és por dentro! Todos nós temos dias em que simplesmente não nos sentimos atraentes. E tentar satisfazer as expectativas da sociedade sobre beleza pode ser ainda mais frustrante – as tuas roupas são época passada, o teu cabelo não parece arranjado, ganhaste 10 quilos no inverno. Então, começas a pensar: “É por isso que ainda estou solteiro?”. Resiste a esses sentimentos esmagadores. Não permitas que as demandas sociais te levem a questionar sua auto-estima.

A tua aparência física não é o que te faz atraente para outras pessoas. O que mais importa é quem és no teu interior.
“A beleza não está na face; a beleza é uma luz no coração.” – Kahlil Gibran

Ao contrário do que estamos condicionados a acreditar, as tuas expressões emocionais são o que outras pessoas acham atraente. Quando estamos a namorar novas pessoas, queremos construir um relacionamento com alguém que partilha os nossos pensamentos e moral. Queremos encontrar alguém que possamos entender

O nosso desejo de ter um relacionamento com alguém que podemos entender está embutido na nossa psicologia. Na verdade, a própria atração entre duas pessoas depende de se partilham ou não uma linguagem comum. Ser capaz de entender alguém que estamos a namorar significa que podemos confiar nele como nosso parceiro.

“Eu descobri que estava mais confiante quando deixei de tentar ser a definição de beleza de outra pessoa e comecei a ser minha.” – Remington Miller

Toda essa preocupação sobre o quão atraente somos no exterior pode realmente nos derrubar, dando-nos inseguranças e até ansiedade social. Perdemos a nossa confiança quando começamos a nos preocupar sobre como os outros nos verão. E com a nossa confiança vai a nossa felicidade.

Então, qual é a resposta? Ela está na sua comunicação com o resto do mundo. Mostra-lhe que não te importas com o que pensam. Para de te importar e de pensar. Pensar muito antes de fazer algo (como sair a noite) só te causa ansiedade social. Quando parares de pensar, te livrares dessa ansiedade.

Quando parares de te importar, serás mais propenso a ser proativo na vida, tanto no âmbito profissional quanto no pessoal. E vais começar a perceber algo com esta nova atitude. A confiança social. Se te concentrares na tua vida com confiança, as pessoas serão atraídas a ti.

A psicologia da atração diz que a tua aparência não importa. Então, pára de te preocupar em obter o tom certo de batom, sair com um penteado mau, e colocar a roupa certa. Nada disso te torna atraente. As pessoas são atraídas por ti pela tua confiança, personalidade e forma de te expressares. Então, lembra-te disso quando estiveres no mundo do namoro. És lindo por dentro, deixa essa pessoa brilhar.

Créditos: Life Hack