Uma médica de 28 anos perdeu a vida na contra Covid-19, em Espanha. São muitos os profissionais de saúde infetados e Sara Bravo López, perdeu a sua batalha para a Covid-19.

“Faleceu a nossa companheira Sara Bravo López, médica de família no Centro de Saúde de Mota del Corvo.

Nesta localidade manchega ganhou o afeto e consideração de vizinhos e companheiros pelos seus valores humanos e pela sua louvável entrega e atitude profissional de serviço aos seus pacientes.

Os colegas da nossa área integrada juntamo-nos à dor da sua família e amigos. Descanse em paz”, escreveram no Facebook, em despedida.

A semana passada já havia sido comunicado o falecimento de uma enfermeira, de 52 anos de idade, que terá sido a primeira profissional de saúde a morrer neste surto global do coronavírus. Foram ainda reportados também a morte de dois médicos, em Salamanca, os números que ilustram bem a dimensão desta pandemia.