Os livretes do carro vão passar a ter um formato idêntico ao do cartão de cidadão. É já a partir de agosto que o Documento Único Automóvel passa a caber no teu bolso.

O livrete dos carros – Documento Único Automóvel (DUA) muda e passa assim a ter um formato semelhante ao de um cartão do cidadão.

O novo Documento Único Automóvel entra em vigor a 1 de agosto e aplica-se, numa primeira fase, a novas matrículas. No ano de 2020 passa a estar disponível para todos os veículos.

Num comunicado do ministério da Justiça é anunciado que é que seja mais fácil de guardar na carteira, mas também que seja simplificado o conteúdo informativo disponível no documento que reúne dados relativos às características do veículo e do seu proprietário.

A medida está relacionada com o Simplex+. Contactado pela TSF, o ministério da Justiça revela que novo documento não é obrigatório para quem possui o atual Documento Único Automóvel ou o livrete.

A partir de 2020, estes documentos podem continuar a ser mostrados às autoridades sem qualquer contra ordenação. A substituição pelo novo documento é feita apenas para novas matrículas ou para quem faça novos registos de viaturas.

Segundo o Ministério da Justiça, a alteração tem também como objectivo “simplificar o conteúdo informativo disponível no documento” e “reunir dados relativos às características do veículo e ao seu proprietário”.

De acordo com o comunicado, nos primeiros três meses de 2019 foram emitidos 137.446 DUAs no país, e o IRN acredita que sejam emitidos cerca de 1,7 milhões de documentos até ao fim do ano.

Créditos: TSF