Quatro meninas conhecem-se no hospital e celebram juntas a cura do cancro. McKinley, Chloe, Ava e Lauren conheceram-se há dois anos. As circunstâncias durante o primeiro encontro delas não eram nada boas, já que as quatro estavam fazer tratamento para o cancro no hospital Hopkins All Children’s, nos Estados Unidos.

Embora não seja um ambiente nada comum para criar uma amizade, as crianças não só se tornaram amigas, como se apoiaram e, hoje, comemoram juntas a cura da doença – e até recriaram algumas fotos de quando ainda estavam em tratamentos.

Em setembro de 2016, McKinley, Chloe, Ava e Lauren estavam a tentar manter o bem mais valioso que lhes foi concedido: a vida. As meninas tinham apenas entre 2 e 3 anos quando foram diagnosticadas com cancro. O que elas não imaginavam é que desta terrível doença, nasceria uma linda amizade.

Frenquentemente elas se encontravam no hospital, que fica no estado da Flórida, para a realização do tratamento. A convivência foi aproximando as pequenas e elas acabaram por se tornar amigas. Um ano depois de se conhecerem, as quatro se fantasiaram de bailarinas – paixão que têm em comum – e se divertiram em um ensaio fotográfico lindo.

Quando realizaram o ensaio, elas ainda estavam na metade do tratamento e, por isso, estavam todas carequinhas e com camisas com as seguintes palavras estampadas: “corajosa”, “forte”, “destemida” e “guerreira”.

Mas, além do look fofo das meninas, as imagens capturaram outras coisas: uma força de vida, um destemor e a alegria pela qual as crianças parecem ter reservas ilimitadas.

celebram juntas a cura do cancro

Mais um ano se passou e desta vez elas não voltaram ao hospital para mais um dia de tratamento, mas sim para comemorar, pois esta é a primeira vez que todas estão em remissão.

Para aproveitar esse momento de muita alegria e celebrar a cura das pequenas, o hospital organizou mais um ensaio de fotos e elas recriaram as imagens que fizeram no ano passado.

Ensaio para celebrar a cura

Só que usaram um look bem diferente. Elas vestiram uma camisa com a palavra “survivor” (sobrevivente, em inglês) escrita na parte da frente, exatamente o que elas são.

Além disso, essas pequenas (grandes) guerreiras já estão cabeludinhas e têm motivos de sobra para comemorar a cura e a amizade que construíram.

Créditos: Vix