Um homem adoptou um cão com cancro rejeitado por 4 famílias. O argentino Luciano Karosas decidiu levar o animal para casa, prometendo os devidos cuidados e carinho ao cão nos seus último dias de vida.

Thanos, como foi nomeado, possui vários tumores na cabeça, que deformaram o formato do crânio dele. O cancro constatado no animal espalhou-se de maneira descontrolada num intervalo de poucos meses, prejudicando imensamente a saúde dele.

Em entrevista ao jornal argentino El Clarín, Luciano conta como é difícil lidar com a ideia do pouco tempo que viverá ao lado do novo e fiel amigo. “Levei ele a um veterinário que trabalha com células-tronco para ver o que poderíamos fazer, procurando um pouco mais de esperança (que lhe tinham dado 40 dias de vida) e me disse que não há nenhum tratamento que atinge estender esse tempo. Eu saí com um pedaço de coração na minha mão”, disse.

cão com cancro rejeitado

No seu instagram, que já soma mais de 15 mil de seguidores, o jovem faz questão de partilhar a sua vida ao lado de Thanos e recebe bastante carinho.

Ainda segundo o jornal argentino, o jovem decidiu utilizar o óleo de canábis como parte de um tratamento para aliviar as dores e o stress do cachorro. Ver que o seu cãozinho não sofre como antes já renova as esperanças do seu pai.

cão com cancro rejeitado

“Tudo o que quero é tentar dar-lhe um pouco de amor antes que ele se vá”, diz ele. O cão vive com ele há cerca de três semanas, brinca e se diverte como qualquer outro animal de estimação.