Amor sem fim: Ângela enviou carta ao Primeiro Ministro e teve resposta. A reportagem “Amor Sem Fim“, transmitida na TVI, continua a dar que falar a segunda petição já conta mais de 20 mil assinaturas.

A primeira petição foram mais de 100 mil. Pretende-se que o caso vá à Assembleia da República para ser proposta uma lei específica através de uma iniciativa legislativa do cidadão.

Ângela permanece sem saber se o esperma de Hugo foi destruído, e já avançou com um processo criminal e civil contra o Hospital de São João para que não seja destruído.

Ela escreveu ao Primeiro Ministro, António Costa que respondeu garantindo ter encaminahdo o caso para a Ministra da Saúde Marta Temido.